EM DIA:

BEM VINDA(O) E FIQUE POR DENTRO DE TUDO QUE ROLA COM A CULTURA , ARTE E O ARTISTA NEGRO AQUI NESSE BLOG"

terça-feira, 16 de agosto de 2011

7o. ENCONTRO DE MÚSICA E MÍDIA





O Centro de Estudos em Música e Mídia – MusiMid convida os interessados a integraram e participarem das discussões do “7º Encontro de Música e Mídia: Música, memória – Tramas em trânsito”, a se realizar nos dias 14, 15 e 16 de setembro de 2011 na Universidade de São Paulo. Nesta edição, o evento tem como núcleo de discussão a memória em suas relações com a música. As inscrições para ouvintes já estão abertas.

A introdução das mídias é o que distancia o século XX drasticamente de todos que o precederam, trazendo consigo consequências nas formas de recepção e de criação artística e uma maior complexidade nas linguagens. No caso da música, obras inteiras ultrapassaram o registro da partitura e a verbalização dos memorialistas. A fixação das obras nas mídias facilitou tanto o armazenamento como o descarte. Diante disso, como determinar o que deve permanecer e o que deve ser expurgado? Que métodos escolher para a preservação física? Como proceder para conservação?



No terceiro milênio as formas de utilização do tempo livre - atividades culturais e de entretenimento - geralmente incluem a linguagem musical, de algum modo que, por sua vez, se manifesta através de mediações tecnológicas. A música está presente na trilha sonora de cinema, nas séries televisivas, telenovelas, noticiários, spot, e jingles, videogames, canções no rádio (AM, FM, on-line). Trata-se de algo que se fixa na memória (o que é motivado por eventos singulares, pessoais ou coletivos), e que também depende dela (responsável pela extração individual de cruzamentos sociais).



A memória é formada por muitos componentes: físicos, neurobiológicos, psicológicos, emocionais, sociais... Ela carrega e reelabora muitas informações, percepções e sensibilidades. Em meio a tudo isso, a música ocupa um espaço vibrante, que pode ser apreciado de variadas maneiras. A memória individual muitas vezes ancora-se na experiência sonora... A memória cultural dá-se pela música, com a música... Ela imprime, também, na música, a marca do seu tempo. E algumas dessas músicas tornam-se memoráveis...


Todas as informações: http://www.musimid.mus.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário