EM DIA:

BEM VINDA(O) E FIQUE POR DENTRO DE TUDO QUE ROLA COM A CULTURA , ARTE E O ARTISTA NEGRO AQUI NESSE BLOG"

terça-feira, 28 de janeiro de 2014

OS CRESPOS: CARTAS Á MADAME SATÃ

 Fonte: Lau Francisco 



Cia. Os Crespos constroi dramaturgia de espetáculo a partir de cartas enviadas por homens negros.






Peça discute homoafetividade e tem título provisório de “Carta a Madame Satã ou eu me desespero sem notícias suas”.
Dando continuidade ao projeto “Dos desmanches aos sonhos – Poética em Legítima Defesa”, trabalho que dá prosseguimento a um processo de pesquisa sobre afetividade de mulheres e homens negros, a Cia. Os Crespos lança uma campanha para a construção dramatúrgica de um espetáculo que discute a homoafetividade entre homens negros com título provisório de “Carta a Madame Satã ou eu me desespero sem notícias suas”. 

Nesta ação, os Crespos recebem cartas de pessoas interessadas em contar suas histórias  de vida, homens negros que queiram dar depoimentos sobre seus sentimentos em relação ao mundo a partir de sua experiência homoafetiva. Os interessados podem mandar suas cartas até o dia 06 de fevereiro de 2014 para oscrespos@gmail.com com o assunto “Cartas à Madame Satã”. 

O espetáculo contará com a direção de Eugênio de Lima, Co-direção de Lucélia Sergio, dramaturgia de José Fernando de Azevedo e interpretação de Sidney Santiago Kuanza, com colaborações em vídeo dos atores Vitor Bassi e Luis Navarro. A estreia está prevista para abril de 2014.




      Na foto: o ator Sidney Santiago Kuanza e a atriz Lucélia Sérgio co-diretora do espetáculo 



O texto discute a homoafetividade de homens negros, sua sexualidade diante dos estereótipos sexuais de virilidade que cerceiam sua experiência afetiva. Temas como identidade, alteridade, reclusão e marginalidade serão relacionados com o racismo em enredo ficcional. 
 
O objetivo é criar uma obra teatral a partir da pesquisa sobre a experiência da homoafetividade negra no Brasil, e o legado do mítico Madame Satã, que, no espetáculo, será o destinatário no qual as cartas de amor serão remetidas.

Os Crespos estão em pleno processo de pesquisa neste momento. Além das cartas que serão recebidas, o grupo também realiza entrevistas coletivas com homens negros, além de individuais e pesquisas de campo nas ruas de São Paulo, casas noturnas, presídios e pontos de encontro do público GLBT. 

Quem são Os Crespos “Os Crespos” é um coletivo teatral de pesquisa cênica áudio-visual, debates e
intervenções públicas, composto por atores negros. Formou-se na Escola de Arte Dramática EAD/ECA/USP e está em atividade desde 2005. Em 2006 estreou com o espetáculo “Anjo Negro”, com direção do alemão Frank Castorf; em 2007 volta ao palco com “Ensaio sobre Carolina”; em 2009 e 2010 apresentou o projeto “A construção da imagem e a imagem construída”; em 2011 estreou “Além do Ponto”, com direção de José Fernando de Azevedo.

“Carta a Madame Satã ou eu me desespero sem notícias suas”
Projeto: “Dos desmanches aos sonhos – Poética em Legítima Defesa”
Idealização: Os Crespos
Período do recebimento de cartas: até 06 de fevereiro de 2014
Email para cartas e informações: oscrespos@gmail.com



 

Nenhum comentário:

Postar um comentário