EM DIA:

BEM VINDA(O) E FIQUE POR DENTRO DE TUDO QUE ROLA COM A CULTURA , ARTE E O ARTISTA NEGRO AQUI NESSE BLOG"

terça-feira, 24 de maio de 2016

Encouraçado Filmes lança nas redes sociais curta que discute presença negra na arte contemporânea

Michele Mattiuzi - performer

Fonte: Lau Francisco 

No dia 22 de maio de 2016, domingo, às 21h, a produtora Encouraçado Filmes lançou no Youtube e no Facebook o curta metragem que registrou imagens do debate histórico que aconteceu no Instituto Itaú Cultural sobre o uso do blackface (quando um artista branco pinta o rosto de negro). O filme, ou curta-gatilho, com 25 minutos,deu origem ao  Projeto Foice a Face, produção em curso que aborda de forma documental o protagonismo negro nas artes contemporâneas- um tema inédito no cinema brasileiro - pelas expressões da Dança, Performance, Teatro, Visuais, Música, Cinema e Literatura. A produçãoinvestiga os reflexos e as questões suscitadas por um passado escravocrata e, ainda, discriminatóriono país.No mesmo dia, às 19 horas, a produtora lança, também online, um teaser do projeto.

Relembre o Caso

No dia 12 de maio de 2015, o Instituto Itaú Cultural foi palco de um dos mais importantes debates da atualidade sobre representação racial na arte e sociedade brasileira. Três horas de debate intenso sobre a herança escravocrata no país e o impacto desse passado na atualidade. A peça “A Mulher do Trem” da Cia. Os Fofos Encenam foi acusada de racista por utilizar-se da prática de Blackface. O movimento de indignação contra o teor do espetáculofoi iniciado pela blogueira e ativista Stephanie Ribeiro nas redes sociais.

Sobre o projeto Foice a Face

Em 365 dias a Encouraçado Filmes lançou 7 vídeos com histórias que mostram a trajetória de ativistas e artistas - atuantes em diferentes áreas e revelando a construção de um novo capítulo sobre a presença e atuação de Negros na sociedade e a potência da ARTE para as mudanças culturais e políticas que se fazem necessárias e urgentes. Exibir o debate após 1 ano tem o peso de um marco comemorativo, pois, a partir de sua produção foi possível construir uma narrativa inédita. Com esse vídeo, iniciou um percurso de produção passando por Maringá, Belo Horizonte, Salvador, Recife, Fortaleza, Belém do Pará e ainda chegará ao Rio de Janeiro antes de entrar em finalização. Ao longo desse percurso o documentário surge, abordando a representatividade de jovens negros nas artes em uma perspectiva contemporânea. O documentário é o primeiro longa-metragem do diretor Macca e tem trilha sonora feita pelo free jazzista Romulo Alexis. A decisão de liberar o vídeo-curta somente após um ano do debate foi estratégia criada para a circulação do projeto, pois o vídeo tornou-se gatilho para a produção itinerante. “A forma de produção foi bem audaciosa, com um pequena equipe, aportamos em casa cidade, exibimos o filme em praça pública, sempre em parceria com um grupo ou coletivo local, promovemos um debate pós-exibição e , por fim,  captamos os artistas negros de diversas linguagens e que atuam na cidade”, explica Macca.

 Bruno de Jesus - diretor de criação e bailarino


Inah Irenan - bailarina e produtora

Em maio de 2015 a produtora realizou o curta sobre o debate.  Com esse curta, ampliaram o projeto para 7 cidades, exibindo o video de 25 min e captando imagem para um longa. A cada cidade a page do Facebook do projeto foi alimentada de novos vídeos, fotos e informações. Ainda neste ano a produtora lançará o teaser das passagens por Recife, Fortaleza, Belém, Rio de Janeiro e SP. Tudo isso como conteúdo para a page, para engajamento de público e para manterem em aberto um processo de produção do longa-metragem, que é o resultado final do projeto Foice a Face .

Projeto Foice a Face – Ficha Técnica
Direção: Macca Argumento: Macca e Fernanda Lomba Produção Executiva: Fernanda Lomba Assistência de Produção: Karen Almeida e Renata Brabo
Montagem e edição: Joyce Prado e Macca Designer: Fernando Timba
Musica Original: Rômulo Alexis Fotógrafos convidados:  Fernando Perelmutter, Hirosuke Kitamura, Shai Andrade e Charlene Rover Edição e mixagem de som/áudio: Sabrina Teixeira Novais Designer convidado: Gabriel Kerhart
Realização Encouraçado Filmes Apoio realização: Itaú Cultural


Informações: encouracadofilmes@gmail.com ou pelos telefones 11- 4323 4239 e 97705 1796, com a produtora executiva Fernanda Lomba










Nenhum comentário:

Postar um comentário