EM DIA:

BEM VINDA(O) E FIQUE POR DENTRO DE TUDO QUE ROLA COM A CULTURA , ARTE E O ARTISTA NEGRO AQUI NESSE BLOG"

quarta-feira, 26 de julho de 2017

​ANDRÉ RENATO RECEBE A CANTORA PAULA LIMA


Fonte: Rozangela Silva 

André Renato não para, além da agenda com shows entre Rio X SP X BH, produção da próxima web série, gravações, ainda arruma tempo para novas parcerias.
E no dia do amigo, celebrou muito bem acompanhado. ​André Renato recebeu a paulista Paula Lima em sua casa, a cantora e compositora ​de MPB e funk​, esteve no Rio pra cumprir agenda e aproveitou para visitar o amigo de longa data. E claro, Paula cantou e ouviu o novo CD “Valeu Meu Samba” – André Renato”, e selaram mais uma parceria, vem coisa boa por ai...  Ainda deram uma canja com a música “Meu Pitel”, terceira faixa do CD do compositor carioca. O vídeo mostra a sintonia da dupla.

A CANTORA ROSA MARYA ESTARÁ NA 4a. EDIÇÃO DO PRÊMIO AFRO





A 4ª Edição do Prêmio Afro, que acontece no final de julho, contará com a voz e interpretação da magnifica cantora Rosa Marya Colin, que fez pose para foto no seu jardim particular, na varanda do seu apartamento, no Recreio.

A veterana intencional encenará no palco a personagem "Madama Rosê, no "Cabaré dos Nossos Sonhos", com roteiro e direção artística de Elísio Lopes Jr. - que levará para ​palco atores e atrizes em uma intervenção artística para apresentação dos 11 premiados de 2017, selecionados de vários estados do Brasil.

Rosa, de voz aveludada se tornou inesquecível com aregravação "cool" de California Dreamin', em 1988. Aliás, se divide entre ensaios e shows; tem pela frente, show na Sala Baden Powel, no Municipal de Niterói, em Londrina, no Sesc de Santos. E preste a comemorar 54 anos de carreira, está em franca produção para lançar o próximo CD. Haja fôlego.

Foto de Rozangela Silva

Contra os Preconceitos: História e Democracia




Fonte: Rozangela Silva 

Prof°. Babalawô Ivanir dos Santos, Doutorando em História Comparada pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (PPGHC/UFRJ), interlocutor obstinado da CCIR, participa amanhã e quarta, em Brasília, do XXIX Simpósio Nacional de História. 

Com a temática: Contra os Preconceitos: História e Democracia, a Universidade de Brasília (UnB), que sediará o encontro. O evento, que acontece a cada dois anos constitui-se na principal reunião acadêmica da área. Sua diversificada programação atrai pesquisadores em diferentes estágios da carreira, professores de todos os níveis de ensino e estudantes de História de graduação e pós-graduação do todo o Brasil.

FÓRUM INTERNACIONAL DE GRANDES EMPRESAS E INVESTIDORES PARA TOGO


 Cris Kakouvi Eddh – Vice-presidente FIGEI nos Estados Unidos, Kossi Essodina Telou – Diretor Executivo FIGEI Brasil, Dagba Kodjo Agbavon - presidente Diretor Geral do FIGEI em Lomé

Fonte: Carlos Romero. 

O mundo dos negócios e as economias dos países em desenvolvimento
07 – 15 de outubro de 2017, eLomé a capital do Togo

A primeira edição do Fórum Internacional de Grandes Empresas e Investidores (FIGEI - Togo 2017), É uma grande oportunidade para os homens de negócios, empresários, ONGs, Associações, Sociedade Civis nacionais e internacionais da África, Ásia, e das Américas em investimento direto para promover o desenvolvimento e acompanhar o crescimento econômico do Togo em fortes demandas.


É uma iniciativa de GOLDEN LION KING, INC junto com DAKOMA GROUP (Parteners of Development and Investiments), Apoado pelas instituições privadas e públicas do Togo.

Esta em São Paulo, a delegação do primeiro Fórum internacional de negócios e Investidores em Lomé (capital da república do Togo/África), da esquerda para direita: Dagba Kodjo Agbavon - presidente Diretor Geral do FIGEI em Lomé, Kossi Essodina Telou – Diretor Executivo FIGEI Brasil, Cris Kakouvi Eddh – Vice-presidente FIGEI nos Estados Unidos, multiplicando as ações no Brasil para uma forte participação brasileira nesse fórum.

Em 2018, o FÓRUM INTERNACIONAL DE GRANDES EMPRESAS E INVESTIDORES, será realizado em São Paulo.

A FIGEI é uma plataforma de encontro econômico, de parcerias, de informação, de empreendendorismo, e de descoberta de diversas ofertas e demandas do mercado africano e especialmente do Togo.

O FIGEI – Togo 2017 afirma-se como um encontro anual entre Estados, Investidores, Empresários, Organismo profissionais, Especialistas de negócios para refletir sobre os grandes desafios da área empresarial.

FIGEI - Togo 2017 é um encontro de positivas trocas de informações entre os empresários do mundo dos negócios internacionais.

FIGEI - Togo 2017 Valorização do mercado africano e das empresas africanas presenteando seus produtos e serviços, suas ofertas e suas demandas.

FIGEI - Togo 2017 é também uma oportunidade para os jovens empreendedores e de empreendedores em busca de novos desafios de promover seus projetos. É uma plataforma de pesquisa e de discussão entre investidores, os financeiros, e parceiros prontos para financiar projetos. Uma plataforma forma para oferecer novos desafios, novas oportunidades negócios.

CONTEÚDO DO FÓRUM

Painéis
Sides Events

Conferências com especialistas nortes americanos nas áreas de negócio
Rodadas de negócio com especialistas Europeus

Mesas Internacionais de discussões empresar
Miais com organismos profissionais da África e da Ásia.

Mesas de discussão de projetos e financiamentos de projetos inovadores aprovados

CONDIÇÕES DE PARTICIPAÇÃO

Pode participar qualquer pessoa física ou jurídica interessada pelo mundo dos negócios do Togo, Qualquer empresa juridicamente constituída de pequeno, médio ou grande porte que quer entrar no mercado Togolês e aproveitar das crescentes oportunidades de business. Qualquer investidor que quer fazer negócios nas áreas de agronegócio (industrialização, projetos de produção, alimentar etc.., mineração, construção civil, turismo, equipamentos médicos, esporte etc.

Todas as inscrições são feitas no Consulado do Togo em São Paulo, e já começaram e vão até o dia 20 de abril. Faça logo a sua inscrição para que possamos organizar melhor a sua viagem.

*O Consulado do Togo em São Paulo está plenamente à disposição dos participantes para acompanhar e realizar todos os protocolos burocráticos e diplomáticos (Vistos – Itamaraty – Embaixada do Brasil em Lomé, Estadia em Lomé) do inicio do processo até a volta de Lomé para o Brasil.

Frete de Inscrição: $700,00
Custo de participação: $10.000,00 (2 representantes por empresas, estadia, hotel, alimentação, passagens idade e volta, carta de crédito para ligação internacional será a disposição para os participantes durante a estadia, ou seja tudo incluso)

Fotos: Da esquerda para direita: Dagba Kodjo Agbavon - presidente Diretor Geral do FIGEI em Lomé, Kossi Essodina Telou – Diretor Exwcutivo FIGEI Brasil, Cris Kakouvi Eddh – Vice-presidente FIGEI nos Estados Unidos. 

Fotógrafo: Jader Nicolau 
Serviço:
DATA:  07 – 15 de outubro de 2017
LOCAL: Lomé a capital do Togo 
Respetivos hotéis
Link dos Hotéis: Hotel EDA OBA – Lomé http://www.edaoba.com/
Hotel Radisson Blu – Lomé   https://www.radissonblu.com/en/hotel-lome


Mais informações e inscrições estão no: PDF anexo

E-mail: kossi.telou@gmail.com  cel: (19) 971187434

terça-feira, 18 de julho de 2017

MEMORIAL PRETOS NOVOS GANHA PRÊMIO ESPECIAL DE PRESERVAÇÃO

Fonte : Rozangela Silva

Finalmente uma boa notícia que vale a pena compartilhar, não somente com os cariocas, mas principalmente com aqueles que se interessam em pesquisar nossas raízes históricas e culturais: O Instituto de Pesquisa e Memória Pretos Novos foi o contemplado na categoria Prêmio Especial - área de Preservação e Difusão do Patrimônio cultural e histórico da cultura Afro-brasileira -, na 4ª Edição do Prêmio Afro!

Esse Prêmio é realizado desde 2009 com o patrocínio da Petrobras, maior incentivadora da cultura afro-brasileira, contando, também, com a parceria da Fundação cultural Palmares/MinC. Trata-se de um investimento que vem contribuindo para a valorização e o fortalecimento de produtores, empreendedores e classe artística, que trabalham sistematicamente com temáticas de matriz africana, cuja demanda teve origem em 2006, no Fórum de Performance Negra, realizado na Bahia.

Para quem não conhece a história dos Pretos Novos

Em 1996, após dar início a uma obra em sua casa, na Rua Pedro Ernesto – Gamboa, que Mercedes Guimarães, gestora do projeto, se deparou com esse importante achado em seu subsolo. Desde então, por iniciativa dela e do seu marido, passaram a compartilhar com o público geral esse grande tesouro, visto por cerca de mais de 72 mil visitantes.
Foi a partir dessa descoberta que surgiu o Sitio Arqueológico do Cemitério Pretos Novos, um Santuário; um museu à céu aberto, com mais de 30 mil ossadas e objetos de escravos. Em 9 de junho/2017, o Cais do Valongo ganhou o título de Patrimônio Mundial da Unesco, dado a importância desses achados arqueológicos, encontrado em escavações feitas durante as obras de revitalização da região, hoje conhecida como “pequena África”.

Para que esse trabalho tão importante seja mantido, faz-se necessário recursos para a manutenção, não somente do espaço como também de todo trabalho desenvolvido na área de pesquisa e conservação, para seguir com suas grandes descobertas e compartilhamento de informações relevantes para a re/construção de nossa história; elo entre o passado, o presente e o futuro.

Prêmio Especial: Uma unânime decisão

O projeto Memorial Pretos Novos, eleito por unanimidade por nossa bancada de jurados, receberá o prêmio de 100 mil reais, para dar continuidade as suas ações.
Segundo o jurado Elisio Lopes Jr, roteirista dramaturgo e diretor artístico (atuou como gestor cultural inicialmente na Fundação Cultural do Estado da Bahia depois, em junho de 2009, tornou-se Diretor Nacional de Fomento e Promoção da Cultura Afro-brasileira na Fundação Cultural Palmares, órgão vinculado ao Ministério da Cultura do Brasil, onde coordenou importantes ações culturais),  “É preciso fazer conviver a preservação e a difusão do patrimônio cultural e histórico afro-brasileiro com os novos meios de comunicação. Só assim será concreta o reconhecimento do nosso legado, e o entendimento da grandeza da cultura negra para esse país. (...) O Memorial Pretos Novos, (...) criado sob o antigo Cemitério dos Pretos Novos, faz nascer, em todas as suas ações, um orgulho e uma ancestralidade potente e reveladora. Com esse prêmio, toda a comissão reverencia e aplaude essa iniciativa, concedendo o prêmio especial para o qual fomos designados a julgar. (...). Essa experiência só reafirma a dimensão continental e negra desse país, onde precisamos dia a dia catar os cacos do racismo que persistem em furar nossos pés e tornar a nossa caminhada mais árdua. Mas, o que fica claro a cada dia é que toda dor torna as nossas vitórias cada vez mais sagradas! ”

Zona Agbara estreia "Vênus Negra – Um manual de como engolir o mundo!" no Centro de Referência da Dança


Fonte: Lau Francisco 


"Vênus Negra – Um manual de como engolir o mundo!" estreia nos dias 26 e 27 de julho de 2017 no Centro de Referência da Dança. O projeto propõe a criação de um espetáculo de dança que utilizará como uma de suas inspirações a história de Saartjie Baartman, a Vênus Negra, mulher negra e gorda que há dois séculos foi exibida em uma jaula na Europa por ter proporções avantajadas. Saarthie foi levada para o velho continente e transformada em uma atração de circo em Londres e Paris.
O espetáculo segue também para outros locais: 05 de Agosto na Casa de Cultura M`Boi Mirim, 11 de Agosto no Centro Cultural Serraria em Diadema, 12 de Agosto no CEU das Artes também em Diadema, 18 e 19 de Agosto na Casa das Artes em Ribeirão Preto, 23 de Agosto na Aparelha Luzia, em São Paulo, e 26 de Agosto no Galpão Humbadala. A ENTRADA É FRANCA.

.Contemplado pelo edital PROAC Culturas Negras, o espetáculo retrata cinco corpos (as intérpretes criadoras Fabiana Pimenta, Dandara Gomes, Luciane Barros e Gal Martins)  que se desnudam e se lançam na experiência singular de traduzir os processos que tangem suas existências e suas relações sociais. "É como se fôssemos as Vênus contemporâneas. Vamos nos reunir para quebrar padrões, inserir um papel estético no mundo, sem repressão da família ou da sociedade. Achamos importante, diante deste atual contexto, demarcar o espaço, por isso inclusive de se inserir o termo “zona” no projeto", explica Gal Martins diretora do espetáculo.



Antes de o projeto "Agbara" chegar ao resultado deste espetáculo, foram promovidas discussões que auxiliaram no processo de construção. Temas como "Feminismo Negro e Gordofobia", "Afetividade da Mulher Negra e Maternidade", "Mulheres Negras Encarceradas e Mercado de Trabalho", "Identidade de Gênero", "Saúde Mental da Mulher Negra" e "Beleza, estética negra e religiosidade" foram abordados junto ao público, sempre com uma performance de dança ao final das atividades, criada a partir do que foi discutido durante o encontro.


"Retrataremos as Vênus Negras de hoje, do agora e do depois. No palco, teremos corpos em constante afirmação e protesto, corpos que demarcam espaços simbólicos e geográficos. São cinco intérpretes criadoras, pretas e gordas no afronte, como pontas de lança que sangram, mas deixam marcas fincadas na terra, engolindo o mundo e os resquícios da perversidade humana, regurgitando simbologias de resistência" descreve Gal Martins.


AGBARA no dialeto Yorubá significa potência e força. Um nome significativo e simbólico que batizou o novo projeto idealizado pela artista da dança Gal Martins. Ela juntou-se a Dandara Gomes, Luciene Barros e Fabiana Pimenta para criar a Zona AGBARA, um grupo de mulheres que expressam suas experiências através da criação em dança como principal ferramenta de transgressão e afirmação estética e social. Promove a visibilidade e valorização da produção artística de mulheres pretas e gordas.

Ficha Técnica
Concepção e Direção: Gal Martins Intérpretes Criadoras: Fabiana Pimenta, Dandara Gomes, Luciane Barros e Gal Martins Participação Especial e Preparação Corporal: Rosângela Alves Musicista Convidada: Analu Barbosa Figurino: Wellington All Letras Musicais: Fabiana Pimenta Texto: Gal Martins Edição de Trilha Sonora: Piu Dominó Colaboração em Arranjos Musicais: Luana Bayô Iluminação: Natália Tavares Fotografia: Sheila Signário Maquiagem: Mika Safro Produção Executiva: Gal Martins Produção Artística: Piu Dominó Assessoria de Imprensa: Lau Francisco Arte Gráfica: Kako Arancíbia

Temporada de Vênus Negra –
Um manual de como engolir o mundo!

26 e 27 de Julho (Estreia) - Centro de Referência da Dança (CRD) – 20h - Baixos do Viaduto do Chá, s/n - Centro - Telefone: (11) 3214-3249
05 de Agosto, às 20h - Casa de Cultura M`Boi Mirim –  Av. Inácio Dias da Silva, s/nº - Piraporinha, São Paulo - SP - Telefone: (11) 5514-3408
11 de Agosto, às 20h, no Centro Cultural Serraria, em Diadema - R. Guarani, 790 - Telefone: (11) 4056-4950
12 de Agosto, às 20h, no  CEU das Artes, Jardim Uniao, Diadema
18 e 19 de Agosto - Casa das Artes, às 20h – Rua Espírito Santo, 110 – Sumarezinho | Ribeirão Preto
23 de Agosto - Aparelha Luzia às 21h - Rua Apa, 78 - Campos Elíseos, São Paulo - SP, Telefone: (11) 3467-0998
26 de Agosto - Galpão Humbalada às 21h - Av. Grande São Paulo, 282 - Parque Brasil, São Paulo - SP - Telefone: (11) 5661-6534
ENTRADA FRANCA

Classificação: 10 anos

terça-feira, 11 de julho de 2017

Miss Brasil 2016 Raissa Santana em Araraquara


                                                              Raissa Santana 







Fonte Carlos : Romero 



Raissa Santana, Miss Brasil 2016, chega dia 13 de Julho, à cidade de Araraquara, e abre oficialmente a Semana Cultural Festa Baile do Carmo 2017, que acontece de 12 a 16 deste mês.

Raissa deve chegar por volta das 13:30h, ao hotel Morada do Sol, permanecendo na cidade por volta de duas à três horas por conta de sua agenda.


Eliane Dias (advogada)



Carlos Romero 


Eliane Dias, Advogada, Coordenadora do S.O.S. Racismo Alesp e Empresária dos Racionais MC´s. Carlos Romero, diretor da RC10 Cumunicação Promoçãop e Produções Culturais são os dois convidados que chegam com a bela.





                                                    Reitor sr. José Vicente 


                                                           Daniel Costa 

Dias e Romero participaram com José Vicente, reitor da Faculdade Zumbi dos Palmares, Daniel Costa, Costa Produções, Presidente APPRECABA e e autoridades do encontro "Negros em Movimento", que se realizará na Câmara Municipal de Araraquara, às 19h, aberto ao público.     
Eliane recentemente participou com demais convidadas do programa Conversa com Bial, TV Globo. 

Fotos anexo.
 
Serviço:Encontro Negros em Movimento
Local: Câmara Municipal
Dia: 13 julho
Horário: 19h
Endereço: Rua: São Bento, 840 Centro – Araraquara
Convidados de São Paulo: Barbosa Junior – Advogado, Cerimonialista, Jornalista e Publicitário.

Retirar os Ingressos gratuitos no horário comercial nos endereços:
FUNDART – Araraquara
Av. Bento de Abreu, Araraquara - SP, Telefone: (16) 3331-2095
Escritório central: Av. Duque de Caxias, 390 – primeiro andar-Centro Araraquara

Telefones: (16) 3304- 10031 WhatsApp (1
6) 99964- 5795

quinta-feira, 6 de julho de 2017

Dida Bar festeja a independência de Cabo Verde




Ontem, foi dia de festejar no Dida Bar. Aberto em Dezembro de 2015, a casa faz parte do Polo Gastronômico da Praça da Bandeira, e já virou o queridinho do bairro, onde realiza uma invasão gastronômica africana.
E nada como reverenciar grandes culturas. Recebeu um grupo de estudantes e empreendedores caboverdianos para saudar a data do dia 5 de Julho, onde comemoram a independência de Cabo Verde.




E sabem como ninguém celebrar, com músicas e iguarias africanas. E duas pessoas comandaram a noite, Ernani Morais, que é Cabo Verde, e com ele, trouxe quitutes tradicionais para o encontro, como a Katchupa e o Frignot. Omúsico Zek Pessoa, mandou ver na voz e vilão e fez um fez um revival com músicas africanas e MPB, arrasou com “Sodade’, de Cesaria Evora, entre outras. No grupo, presença ilustre do caboverdiano da Ilha de São Nicolau. Sr. Pedro António dos Santos - Cônsul Geral Honorário de Cabo Verde no Rio de Janeiro e da esposa Virginia de Brito Monteiro dos Santos.  
“Considero uma convivência que é uma verdadeira lição de vida, onde aprendemos mutuamente. A data 5 de julho, inicia a nossa maioridade, onde passamos a ser responsável pelo nosso destino. É o momento de pensar Cabo Verde, avaliar sua trajetória, de modo a compreender sua evolução, com muito orgulho e pura emoção. Momento que orgulhamo-nos pelos nossos heróis, em especial Amílcar Cabral, que através de sua ideologia, hoje temos uma nação vencedora, considerada como modelo a ser seguido no continente africano”, afirmou o Pedro dos Santos.  
- Em 5 de julho de 1975, foi proclamada a independência de Cabo Verde, território colonizado pelo império português a partir de meados do séc. XV. O surgimento do Partido Africano para a Independência da Guiné e Cabo Verde (PAIGC) serviu para congregar e lutar pelas aspirações autonomistas e independentistas nos territórios insulares de Cabo Verde e da Guiné-Bissau a partir de1956. Com o advento do 25 de Abril e, por conseguinte, o fim da Guerra Colonial, a independência do arquipélago viria a concretizar-se a 5 de julho de 1975. 
Fotos Bi & Ro

Cariocas :Roteiro Dia da Pizza





No próximo dia 10 de Julho, é comemorado o Dia internacional da Pizza.
Que tal um roteiro com as pizzas tradicionais do Rio de Janeiro? Aquelas que só de pensar dá água na boca???





As pizzas, redondinhas do jeito que conhecemos, foram inventadas pelos Italianos por volta de 1700 com créditos para região de Nápoles, na qual a receita milenar foi aperfeiçoada ao longo das décadas. Por aqui ela chegou no fim do século 19 com os primeiros imigrantes italianos, que ajudaram a espalhar pizzarias por todo Brasil.

Para comemorar a data, a Casa Cavé, confeitaria mais antiga da cidade do Rio de Janeiro, com 157 anos, sugere sua tradicional pizza de sardinha, preparada com massa, exclusiva da casa, recheada com sardinha, cebola e tomate, fatia por R$ 7,80 ou inteira por R$46,80. Impossível comer apenas 1.

Já na Forneria Santa Filomena na Praça da Bandeira, o restaranteur Nino Gomes, sugere a pizza de carne seca – molho de tomate, carne -seca, requeijão e queijo coalho por R$46,00. Outra deliciosa sugestão é a pizza portuguesa – molho de tomate, muçarela, ovo, pimentão, cebola, azeitona preta, presunto por R$56,00. Mama Mia!!!

Vamos falar sobre?
Favor acuse o recebimento desse e-mail.
Beijos e obrigada
Bia

Credito foto Casa Cavé : Youprojetos

Credito Forneria: Divulgação

Casa Cavé
Rua Sete de Setembro,133/ 137
Capacidade: 120 pessoas sentadas
Centro
Tel.: (21) 2221-0533 / 2222-2358 / 2224-2520
Formas de pagamento: Dinheiro, Vida Electron, Maestro,
Ticket: TR (só papel), Sodex, VR-Smart
Horário de funcionamento das casas: Segunda a sexta, das 08h às 19h, sábados das 08h às 13h.

​Forneria Santa Filomena
Rua Santa Filomena 10 – Praça da Bandeira
Telefone: 21 3518-2053
Aberto Terça a sábado das 11h às 23h. Domingo das 11h às 21h
Forma de pagamento: Cartão de crédito e débito – Todos os cartões
Capacidade: 90 lugares